Oficinas

O Lar das Crianças da CIP desenvolve uma série de oficinas educativas e profissionalizantes que têm por objetivo ampliar o universo sociocultural e educativo das crianças e jovens atendidos, além de despertar habilidades e talentos e garantir a futura empregabilidade dos participantes.

A meta deste trabalho é investir esforços na oferta de serviços e ações que possibilitem o desenvolvimento de adolescentes, jovens e adultos. É também garantir seus direitos a uma aprendizagem autônoma e atualizada através de formação, capacitação e qualificação, fazendo com que os participantes sintam-se integrados, motivados e criativos.

Entre os resultados obtidos podemos mencionar o aumento do interesse pelo aprendizado através das novas técnicas artesanais, uma maior socialização; o estímulo à criatividade, habilidade e talento; o trabalho do conceito de planejamento, disciplina e organização; o desenvolvimento de peças artesanais que garantam produtividade e sustentabilidade; e direcionamento para um campo de trabalho que possibilite a geração e/ou ampliação de renda.

 

Literatura

Tem por objetivo incentivar o gosto pela leitura e a utilização da linguagem para expressar idéias e emoções. Histórias diferentes são contadas ou lidas a cada semana e, após a leitura, realizam-se atividades de linguagem oral e escrita em duplas, grupos ou individualmente, em rodas de conversa e rodas de histórias.

São trabalhados contos de fadas, poesia, histórias contemporâneas infantis, textos de uso social (como revistas), fábulas, parlendas, cantigas de roda e mitologia.

Laboratório de Informática

O laboratório de informática procura dar instrumentos para auxiliar a busca dos conhecimentos em tecnologia, especificamente a informática. Tem por objetivo capacitar crianças, adolescentes e jovens a utilizar computadores e a entender sua tecnologia.

Através de aulas individuais e em grupos, são desenvolvidos diversos programas específicos para cada faixa etária. São realizados exercícios em sala de aula para consolidação do aprendizado.

Os cursos também são oferecidos aos pais, capacitando-os ao universo da informática.

Das noções básicas ao maior conhecimento, o acesso à informática é uma ferramenta fundamental para realizar tarefas diversas, desenvolver atividades educacionais, até a instrumentalização para o mercado de trabalho.

Esportes

A prática de atividades esportivas pelas crianças e jovens do Lar tem por objetivo desenvolver a melhoria da qualidade de vida, e promover a saúde e a inclusão social.

Desta forma, desenvolvem-se os aspectos físicos, biológicos, fisiológicos, psíquicos e sociais, por meio de práticas esportivas, recreativas e de lazer.

O Lar das Crianças oferece ainda aulas de judô e possui uma Escola de Futebol que possui três times subdivididos por faixas etárias a partir dos sete anos de idade e também um time formado pelos jovens do Programa Passaporte para a Vida.

A prática da educação física promove as mais variadas habilidades, o autocontrole, a auto-estima, a disciplina, a coordenação motora, o trabalho em equipe e a integração na sociedade.

 

Cozinha Experimental

A oficina, que busca despertar nas crianças o interesse pela arte de cozinhar, é voltada aos princípios da cozinha e trabalha importantes conceitos, como higiene, nutrição, função dos utensílios e processo de preparação dos alimentos. As aulas, teóricas e práticas, são semanais e o aprendizado envolve a cozinha do dia-a-dia e outras receitas que despertam o interesse das crianças e dos jovens participantes.

Cursos de pães, salgadinhos, trufas de chocolates, tortas e bolos também são oferecidos para os pais e têm como objetivo a capacitação e a possibilidade do aumento da renda familiar.

Arte educação

A concepção de arte no espaço educativo implica numa expansão do conceito de cultura.

As oficinas de arte educação noLar das Criançastêm como proposta oferecer oportunidades de desenvolvimento do potencial criador, expressivo e crítico  buscando a interação entre o saber e a prática, possibilitando uma relação ensino /aprendizagem.

O objetivo é garantir um espaço para que as crianças conheçam e vivenciem aspectos técnicos inventivos, representacionais e expressivos em artes visuais,  através do aprendizado de técnicas expressivas, no ateliê de artes e,também, nas oficinas de mosaico,  marchetaria e tapeçaria,buscando o desenvolvimento de habilidades especificas.

Tesourinha

O Projeto Tesourinha é uma parceria para oferecer, na sede da entidade, cursos na área de beleza. Trata-se de mais uma alternativa para que os jovens e suas famílias possam desenvolver novas habilidades e possibilidades de inserção no mercado de trabalho.

O Lar das Crianças da CIP e o Projeto Tesourinha formalizaram a Primeira Franquia Social, que é um sistema pelo qual o franqueador sede ao franqueado o direito de uso da marca e patente, associado ao direito de utilização de serviços sem fins lucrativos. O franqueado se compromete em promover o desenvolvimento pessoal e a qualificação profissional de jovens carentes por meio de cursos gratuitos na área da beleza, buscando inseri-los no mercado de trabalho, como cidadãos responsáveis e pró-ativos na construção de uma sociedade mais justa.

O Projeto Tesourinha promove desde 1992 o desenvolvimento pessoal e a capacitação profissional de jovens, por meio de cursos gratuitos na área da beleza. Conheça mais sobre o projeto visitando o site http://www.projetotesourinha.org.br.

 

Ciências e tecnologia

Inúmeros estudos mostram que a falta do aprendizado de ciências e tecnologia deixa uma lacuna na educação das crianças, principalmente quanto à capacidade analítica e crítica. A prática destas disciplinas alavanca crianças e jovens, estimulando para que sejam cidadãos plenos. No Lar das Crianças, o projeto de robótica, em sua fase inicial (embrionária), é uma parceria com o Instituto Aprender Fazendo que, em conjunto com a Lego Education, no Brasil, desenvolveu o programa Bloco a Bloco. Com um educador experiente em tecnologia, trabalhando com a educadora de informática Simone Burger, o mundo da robótica é introduzido a partir de conceitos básicos de mecânica e raciocínio lógico.

Em paralelo, o projeto é uma eficaz ferramenta para trabalho em grupo, resolução de conflitos, divisão de tarefas e também gerenciamento de frustrações. As crianças e jovens participarão de torneios entre instituições parceiras realizados pelo Instituto Aprender Fazendo.

 

Teatro

O projeto, em conjunto com a Cia Vizinho Legal, que desenvolve o projeto social do laboratório Roche, tem por objetivo motivar a leitura e interpretação de textos, além de trabalhar o aspecto comportamental e emocional das crianças. Seja no aspecto pedagógico ou no aspecto artístico, assistido ou encenado, o teatro auxilia a criança em seu crescimento cultural e em sua formação como indivíduo.

Judô

Foi firmada uma parceria com os professores de judô Miriam Minakawa e Edson Minakawa do clube A Hebraica, que desenvolvem, há cinco anos, na Unibes, o projeto social Judô Cidadão, que tem como objetivo incentivar a prática esportiva, incutir valores como disciplina e respeito, e desenvolver as habilidades motoras dos participantes. No Lar, a prática do judô, que já conta com tatame oficial e kimonos, é aplicada por um novo professor, que trabalhará junto com o Allan Lima, que vem fazendo um excelente trabalho de iniciação ao Judô e esportes gerais. Ambos serão coordenados pelos profissionais da Hebraica. As crianças, que têm aulas duas vezes por semana, participarão de torneios, festivais e competições.